Tromba d’água foi vista na Ilha de Fernando de Noronha

Uma tromba d’água foi registrada neste domingo (21), em Fernando de Noronha, e chamou a atenção dos moradores. A meteorologista da Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) Edivânia Santos explicou que o fenômeno tem relação com a atuação da Zona de Convergência Intertropical na ilha.

“A tromba tocou a superfície da água. Se você olhar direitinho, ela forma um turbilhãozinho. Quando toca a superfície, é tromba d’água. A Zona de Convergência Intertropical forma nuvens de tempestade e essas nuvens de tempestades podem causar esse fenômeno, na base delas”, disse.

O fenômeno pode representar risco para barcos que passem próximos, visto que ‘suga’ a água do mar, afirmou a meteorologista.

O gerente de pousada Weidson Carlos da Silva foi quem fez o registro em vídeo do fenômeno, na região do Porto de Santo Antônio. “Eu estava me dirigindo à Capela de São Pedro quando fui surpreendido com o fenômeno. Moro na ilha há seis anos e foi a primeira vez que eu vi uma tromba d’água, achei um espetáculo”, contou.

O engenheiro de pesca Léo Veras, que tem uma estação meteorológica na ilha, lembrou que outro risco é a água “cair de uma vez”. “O perigo é que ele eleva a água do mar para altas altitudes e, quando o sistema ‘falha’, essa água cai de uma vez, como uma piscina. Se tiver um barco , se destrói” , afirmou. Veras disse, ainda, que, ao se aproximar da ilha, a tromba d’água se dissipa.

O empresário Pippa Gonzalez também viu a tromba d’água. “Eu estava na capelinha do Porto quando o vento ficou mais forte. Olhei para o mar e vi a nuvem com a formação diferente. Estava um pouco longe, mas fiquei um pouco preocupado que se dirigisse à ilha. É um fenômeno bonito”, afirmou Gonzalez.

Fonte G1