Lamento a morte do amigo Eri

Lamento profundamente a morte de Eri.

Se chamava Erivanaldo Martins.

Trabalhamos juntos no Circuito Musical.

Depois acompanhei ele na Rádio Rural, era controlista.

A última vez que nos vimos foi na feira livre de Caicó.

Ele estava numa banca ajudando um amigo a debulhar feijão verde e me disse: “Sussu, se precisar de um pedreiro lá na sua casa, pode me chamar. Faço de tudo um pouco”, falou sorrindo.

Morreu de infarto, vi no blog do colega Jair Sampaio.

Era seu o carro que caiu na correnteza da passagem molhada na semana passada aqui em Caicó. Me disseram que ele se aperreou muito com isso.

Que pena, amigo.

Deus o receba.