“Eliano e Outros Silvas” narra vida e amores do Brasil profundo

Aportado pela Incubadora DoSol, o disco Eliano e Outros Silvas, segundo álbum do cantor e compositor Eliano foi gravado entre Pau dos Ferros e Natal e reúne canções novíssimas, compostas durante o isolamento social em 2020, e canções mais antigas que estavam aguardando o momento de serem lançadas ao mundo.

São 12 faixas repletas de simplicidade poética.“Aguardei muito tempo por uma oportunidade como essa que chegou em boa hora. Prover cultura em tempos de pandemia além de contribuir para a comunidade no geral, ajuda a nos curar internamente”, fala Eliano.

Silvas do Brasil
O título faz referência aos milhares de Silvas espalhados pelo Brasil, descendentes de africanos escravizados que tiveram seus nomes apagados no processo de colonização e que foram substituídos por “Silva“.

Mas ao longo dos anos, esse sobrenome foi ressignificado por grandes personalidades da música, política, ciência, filosofia, etc.

“Sempre amamos a força das canções de Eliano. Desde 2017, já vínhamos tateando fazer algo com ele e chegou esse momento. Foi desafiador fazer o álbum remoto sem nos encontrarmos pessoalmente, mas o resultado mostrou que valeu muito a pena”, comenta Anderson Foca do DoSol.

Produção
O álbum foi produzido pelo próprio Eliano em parceria com Anderson Foca de maneira remota. Participaram também do disco Anderson Bryam (Encanto/RN), Jack Jones (Pau dos Ferros/RN), Yves Fernandes e Vitória de Santi (Natal/RN).

Eliano e Outros Silvas está disponível em todas as plataformas digitais, bandcamp e youtube.

OUÇA O DISCO: https://ps.onerpm.com/6475729232

Fonte Papo Cultura