Cidade das Flores, no Seridó, desenvolve projetos que incentivam o cultivo de flores e plantas da caatinga

Na região Seridó, a cidade de Florânia destaca-se como “cidade das flores” e a população de forma voluntária sustenta o título, favorecendo inclusive a geração de renda na cidade.

Em 2019 surgiu o Projeto Flores para Florânia, que promoveu o hábito de levar flores as janelas e calçadas de Florânia, fortalecendo o título de Cidade das Flores, e promovendo a satisfação em moradores e visitantes, que fazem questão de fotografar.

Com a comunidade abraçando a ideia, o projeto cresceu e houve ampliação. Dia 21 de março será lançado em Florânia “Replantar a Caatinga é a solução” com a participação dos Municípios de Florânia, Tenente Laurentino e São Vicente.

“O trabalho é voluntário e tendo com um grande incentivador o arqueólogo Gildo Cruz. A partir deste ano teremos o apoio da Prefeitura Municipal. Em Florânia já foram distribuídas mais de 600 mudas de plantas nativas da caatinga” diz Josimar Tavares, coordenador de Turismo e agente de desenvolvimento local

Um outro aspecto importante é que junto ao Projeto de incentivo ao plantio, existe um trabalho de educar a população, para que respeitem os espaços e não aconteça furtos.

“Depois do projeto surgiu empreendimentos em Florânia, para comercialização de flores, e outras plantas, bem como, de jarros” comemora Josimar Tavares.