Cia de Teatro Arte e Vida lança projeto resgatando histórias de assombração, de outrora

As chamadas “histórias de assombração” são parte das memórias do povo seridoense. Era comum a noite, as crianças, de olhos e ouvidos atentos, ouvirem dos familiares mais idosos, histórias de assombração que eram contadas de pai para filho, ao longo dos anos. E geralmente, eram histórias que tinham como cenário o local onde viviam, tornando a curiosidade muito maior.

Em projeto da Cia de Teatro Arte e Vida, as histórias de assombração  foram pesquisadas e trazidas, sendo agora contadas em literatura de cordel.

“O projeto tem o nome de Histórias que Ouvimos e reúne contos de assombração que foram coletados em municípios do Seridó. A importância de ouvir e repassar esses contos é para que eles não sejam esquecidos, pois muitos deles foram passados de avós para netos”, diz Bruno César coordenador da Cia de Teatro Arte e Vida, idealizador do projeto.

“Histórias que Ouvimos” vai ao ar pelo canal do Youtube  Cia de Teatro Arte e Vida, de 09 a 13 de abril, às 18h.

“Os poetas Djalma Mota e Edcarlos Medeiros transformaram os contos em literatura de cordel, e agora o grupo faz uma contação dessas histórias” diz Bruno César.

Foto Divulgação.