Evento debate literatura negra e indígena no RN

A partir desta segunda-feira, 22, acontece o ciclo de diálogos “E eu não sou escritore?”, que permanece com programação até dia 25. Trata-se de debate sobre a literatura potiguar de autoria negra e indígena do Rio Grande do Norte.

O ciclo de diálogos será das 16h às 17h30, no canal do YouTube de Rosy Nascimento, contando com tradução para libras.

O evento faz parte da pesquisa independente que Rosy desenvolve desde 2020, com objetivo de cartografar as autorias negra e indígena do RN, com objetivo de difundir suas escritas e valorizar suas produções, refletindo sobre os contextos de produção e distribuição de suas obras.

Para Rosy Nascimento a literatura negra e indígena muitas vezes é invisibilizada nas tradicionais correntes literárias e esse evento serve justamente para dar visibilidade para essas pessoas que sofrem apagamento.

“De modo a colaborar com a mudança de imaginário racista, misógino e classista que impera no Rio Grande do Norte sobre o letramento literário potiguar — imprescindível para a construção de uma identidade enquanto sujeites intelectuais — e valendo-me de um levantamento preliminar e longe de esgotar o assunto, apresento, nessa ação fruto de pesquisa independente, o diálogo com esses escritores”.

O processo da pesquisa será documentado em um e-book que será lançado em breve.

Fonte Papo Cultural Foto Wallace Santos