Documentário no canal União do Sobrado, do Youtube, destaca trajetória do poeta e violeiro, Geraldo Brito

Está lançado no Canal União do Sobrado, do Youtube, o documentário “Uma Voz do Cariri no Sertão do Seridó” que conta a trajetória do poeta repentista e violeiro, Geraldo Brito.

Natural da comunidade Alto dos Medeiros, no Município de Juazeirinho, na Paraíba, Geraldo Brito é de uma família grande, de oito filhos, sendo a agricultura a fonte de renda da família.

No seu relato, Geraldo Brito destaca que o encanto pela poesia surgiu ao acompanhar,  pelo rádio de pilha, Chico Mota e Cícero Nascimento, no programa Violeiros do Seridó da Rádio Rural AM, de Caicó, RN, e a dupla Sebastião da Silva e Moacir Laurentino, no programa Violas da Minha Terra, na Rádio Espinharas de Patos, PB, sendo estes suas referências como poetas violeiros.

“Daí comecei a sentir a poesia dentro de mim, a inspiração, o fogo na alma, da cantoria, e sou muito grato a Deus por isso”, diz o poeta no documentário.

Aos poucos, Geraldo Brito foi compondo, inspirado pelos violeiros que ouvia e como era difícil adquirir a viola, inicialmente ele adquiriu um cavaquinho. “Como eu vivia da agricultura e criação de animais, troquei 5kg de algodão e uma cabrita, num cavaquinho. Eu guardava esse cavaquinho na mala enrolado em lençol”, relembra Geraldo.

Geraldo também relembra detalhes de sua primeira cantoria na casa do saudoso Ageu Soares, na sua comunidade, em especial quando apresentou a canção “Carta de Amor e Segredo”

O documentário “Uma Voz do Cariri no Sertão do Seridó” foi contemplado pela Lei Aldir Blanc, do Governo do Estado do RN, Fundação José Augusto, e Governo Federal, através da Secretaria Especial de Cultura e Ministério de Turismo.

Fotos: Divulgação