Assembleia Legislativa do RN tem 46 casos confirmados de Covid 19

Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte tem 46 casos casos confirmados de Covid-19, uma preocupação para servidores e parlamentares. No ano passado, cinco funcionários da ALRN morreram por causa da doença.

Entre os casos confirmados de Covid-19 na Assembleia, três são parlamentares: Getúlio Rêgo (DEM), Kelps Lima (Solidariedade) e Isolda Dantas (PT). Os três se recuperam em casa, cumprindo o isolamento.

Getúlio Rêgo testou positivo há duas semanas, quando cancelou a agenda política e ontem, 20, comemorou a recuperação.

“Estou sem febre, respirando normal, recuperando o apetite. A doença é muito debilitante, mas a gente está cumprindo os protocolos, isolado. Já estou no 14º dia, e, graças a Deus, a evolução está muito boa” disse o deputado.

Kelps Lima testou positivo no último dia 13 e afirmou que está recolhido em casa desde o dia 11. Os sintomas são leves e ele está sob orientação médica.

Isolda Dantas é o caso mais recente. Ela informou que testou positivo para Covid na sexta-feira, 19. Na véspera, a deputada do PT cumpriu agenda política em Pau dos Ferros.

Usando máscara, Isolda esteve, inclusive, ao lado da governadora Fátima Bezerra (PT), de secretários estaduais e da prefeita de Pau dos Ferros, Marianna Almeida. Segundo a assessoria, “Isolda permanece em casa, em Mossoró, o estado de saúde é muito bom e sem necessidade de internação”.

Segundo a assessoria da ALRN, nem todas as pessoas se contaminaram presencialmente no Palácio José Augusto.

Nos gabinetes dos deputados, as atividades são de terça a quinta-feira. Nos outros quatro dias da semana, os funcionários destes gabinetes têm atividades externas e viajam para municípios do interior. De segunda a sexta-feira, apenas os setores administrativos da Assembleia funcionam.

De acordo com a Assembleia Legislativa, quem testa positivo ou tem contato com caso suspeito imediatamente é afastado do trabalho por 14 dias.

Diz também que cumpre todas as medidas sanitárias necessárias para evitar a propagação da doença, como uso obrigatório de máscaras, aferição de temperatura e uso de álcool-gel.

Em nota, destacou que “os casos de COVID-19 em todo o Rio Grande do Norte, no Brasil e no mundo continuam sendo registrados. O mais recente levantamento da Assembleia Legislativa lista cerca de 40 servidores que estiveram acometidos da doença, que já se recuperaram ou estão em processo de recuperação.

Nste ano, 2021, a Assembleia não registrou nenhum óbito de servidor.

Fonte G1/RN Foto Sérgio Henrique/interTV Cabugi